Bike no avião: 10 dicas úteis para viajar com a bicicleta

bike no avião dicas viajar

Férias sem a bike para você não são férias? Você detesta a ideia de chegar em um lugar novo e ter que descolar um bicicleta emprestada para percorrer as trilhas? Então confira esta 10 dicas úteis para quem pretende viajar e levar junto a bike no avião!

 

1) Ligue para as companhia aéreas e informe-se sobre as condições de despacho

Naturalmente, se você quiser que a sua bicicleta se junte a você nas férias, então você terá que despachá-la como bagagem. Entre em contato com as companhias aéreas e veja como levar a bike no avião, ou seja, como isso deve ser feito, uma vez que as condições variam de empresa para empresa.

 

2) Informe-se sobre companhias “amigas do ciclista”

O pessoal do Bike é Legal reuniu algumas informações sobre o procedimento de despacho da bike em diversas empresas aéreas. Você também pode buscar esse tipo de informação em grupos de ciclistas no Facebook.

 

3) Use um truque para reservar o assento

Ao reservar o assento, se estiver viajando de dupla, escolha duas poltronas das extremidades de uma fileira, e deixe o lugar do meio vazio. Se o avião não estiver cheio, é altamente provável que esse banco do meio não seja ocupado, e você ganha um espacinho lateral a mais para se esticar. E se der o azar de alguém reservar a poltrona do meio, é só pedir se a pessoa pode trocar de lugar para você ficar próximo ao seu companheiro.

bike no avião dicas viajar 2

Os assentos sobre as asas tendem a oferecer mais espaço para as pernas, porém muitas vezes é preciso pagar uma sobretaxa para poder ocupá-los.

 

4) Leve o capacete como bagagem de mão

Sua mala, naturalmente, tem um espaço limitado, e enfiar um capacete dentro dela não é lá uma escolha muito inteligente. Uma boa saída é levar o capacete como um volume extra na bagagem de mão.

bike no avião dicas viajar 3

 

5) Use todos os espaços disponíveis

Invista em uma boa mala bike para levar a bike no avião e aproveite os espaços que ficarem entre o equipamento para colocar joelheiras e tênis (ou sapatilhas de ciclismo).

bike no avião dicas viajar 4

 

6) Tenha um bom método para fazer a mala

Se você é do time que sempre precisa de ajuda para fechar a mala, mesmo estando dentro do limite de peso, então é legal prestar atenção na forma como está arrumando as suas coisas. Tente fazer “rolinhos” com as bermudas e camisetas de ciclismo ao invés de dobrá-las. Esse é um ótimo truque para economizar espaço.

bike no avião dicas viajar 3

Outra dica legal é separar grupos de roupas em embalagens diferentes para manter a ordem. Assim você não precisa revirar a mala toda para encontrar suas roupas de ciclismo.

 

7) Revise sua bicicleta antes de viajar

Antes de empacotar sua bicicleta, é uma boa ideia levá-la para uma revisão para ver se está tudo funcionando. Verifique todos os parafusos, engrenagem, calibre os freios e faça a sangria, se necessário, e tudo o mais. Isso deve garantir o máximo de diversão e funcionalidade na chegada ao seu destino. Lembre-se que, em Porto Alegre, você pode contar com os serviços da oficina da Bike Village.

 

8) Remova os rotores do freio de disco e o passador traseiro

O coração de qualquer ciclista deve quebrar quando vê que nem sempre a equipe do aeroporto tem cuidado com a bagagem. Isso torna a embalagem de transporte da bicicleta ainda mais importante e também alerta para a necessidade de remover peças frágeis da bike (como os rotores de freio de disco e o passador traseiro) e acondicioná-las bem protegidas.

bike no avião dicas viajar 6

 

9) Otimize suas ferramentas

Uma vez que você aterrissou e já está acomodado, é apenas uma questão de abrir a mala bike e parafusar tudo novamente. Por isso, lembre-se de acondicionar as ferramentas na bagagem de forma a encontrar tudo rapidamente. Vale também conferir com os seus companheiros de viagem quais as ferramentas que cada um está levando. Assim vocês podem economizar espaço na bagagem e evitar de levar itens repetidos.

 

10) Leve algumas peças sobressalentes

Perceber que você tem um problema mecânico em algum lugar distante pode ser problemático. Como pode ser um processo longo e cansativo para tentar obter as peças de reposição adequadas, é legal levar algumas peças mais importantes com você, como raios de reposição, cabos de engrenagem e pneus sobressalentes, além de rotores de freio de disco e tudo o mais que você achar necessário.


* Com informações de 10 handy tips for flying with your bike, publicado por Enduro MountainBike Magazine. Traduzido e adaptado pela equipe Bike Village.

** Imagens via Enduro MountainBike Magazine.

Também poderá se interessar..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com